Revolução no palco, Don L dá vida ao Roteiro pra Aïnouz, Vol. 2

O rapper cearense faz show de lançamento de seu novo trabalho no Sesc Pinheiros e arrebata a plateia

Compartilhe:

Bem-vindes a eléwood! O rapper Don L, definitivamente, tem uma singularidade dentro da cena do rap, e até mesmo, da música, com suas letras que nos permitem visualiza-las como um filme. E sua trilogia de álbuns de Roteiro pra Aïnouz traz isso com maestria, mas o que recebemos ao vivo no seu show de lançamento do volume 2, aquilo foi uma revolução.

Com ingressos esgotados em menos de cinco minutos, o tão esperado show de lançamento de RPA 2 em São Paulo, aconteceu no dia primeiro de março no palco do Sesc Pinheiros. Se alguém tinha dúvidas que Don L estava agitando a cena, teve sua prova com esse espetáculo.

Don L cantando no palco do Sesc Pinheiros em seu show Roteiro pra Aïnouz, vol. 2
Foto: Divulgação / Sesc Pinheiros

Lançado em novembro de 2021, Roteiro pra Aïnouz, vol. 2 traça uma linha entre a realidade e o imaginário de um Brasil de Don L, dando sequência aos devaneios de desabafos trazidos no volume 3 da triologia. O rapper entrega composições afiadas e decoloniais, com a produção de Nave Beats, participações inesperadas, porém, seletas para esse trabalho e beats ousados – e vale destacar aqui a escolha ilustre das interludes.

Ao vivo, Don L mostra a que veio e esbanja criatividade e riqueza em suas referências, ainda que muitas vezes possam ser lidas como controversas, contando com a participação de Alt Niss, Terra Preta e o DJ Roger P3. O rapper exibiu sua bandeira de um Brasil ideal e performou em um púlpito similar ao que Angela Davis discursou enquanto estava sob ameaças de morte. 

Sendo acompanhado por toda plateia, Don apresentou todas as faixas de RPA 2, reordenadas de maneira genial, com direito a um grande coral de clássicos como Rap das Armas e Us Mano E As Mina (Xis). Arrepiando o público desde o momento introdutório do show.

De forma muito poderosa, as faixas de RPA 2 são apresentadas e, fica visível todo conceito que o rapper teve a pretensão de passar. O impacto desse trabalho fica óbvio quando vemos toda a plateia cantando as letras em uníssono, sem brincadeira, houve momentos que era possível sentir o chão vibrar. 

Alt Niss e Terra Preta, foram também um destaque no show, os vocais bem harmonizados deram aos sons toda uma emoção diferente de assistir ao vivo. Assistir pela boca e primavera ao vivo, foi memorável. Outro grande destaque, foi a apresentação de auri sacra fame, que levou o público a loucura.

Foi um voo foda ver o rapper em ação, após finalizar seu setlist de RPA 2, Don e sua banda se retiram do palco e após um longo pedido de bis e para a alegria de todos os presentes, o rapper voltou aos palcos.

E para completar uma noite tão especial e esperada, Don L reviveu seus sucessos como Aquela Fé, Depois das Três e outros hinos consagrados do vol. 3 de Roteiro pra Aïnouz. Além de cantar seus singles tão adorados como o recente Na Batida da Procura Perfeita. Definitivamente, uma amostra de quão grande e próspera a carreira de Don é e, ainda, será. 

O show nos deixa com vontade de trilhar a trilha para uma nova trilha, em uma vila rica e nos tornar revolucionários decoloniais e tomar de volta tudo que foi nosso.

Don L mostrou que veio para revolucionar e abalar estruturas do cenário musical, do álbum a performance, o rapper mostra sua proposta com coerência e autenticidade. Tudo se interliga e cria um diálogo único. Se alguém tinha dúvidas, Don L, de fato, veio reivindicar o seu título de ser o favorito dos favoritos.

Confira o álbum Roteiro pra Aïnouz, Vol. 2 – DON L


Compartilhe: